Em destaque: a música e o trabalho com pedras de Maurício Moraes

Maurício Moraes, expositor regular da feira Vila das Artes, destaca-se por seu diferenciado trabalho de pintura em  pedras, e também por seu trabalho musical.

Mauricio Moraes - 30-09-14

Músico há mais de 35 anos, dedica-se à arte com pedras pintadas há 10 anos. Utilizando pedras, ele faz desenhos realistas, utilizando tinta acrílica e muita criatividade.

mauricio_pedras

Na edição de outubro da feira, que acontece neste domingo, dia 05, é Maurício Moraes quem vai embalar a  música na praça. Ele se apresenta com JBB Trio, em um repertório instrumental que conta com Jazz, Blues, Bossa Nova e músicas conhecidas de Beatles, Phil Colins, Cazuza e Ana Carolina.

Para saber mais sobre o trabalho do Maurício, é só acessar o blog: http://pedrabrasilmmoraes.blogspot.com.br/

Anúncios

Festival Gastronômico e Sustentável de Primavera com atrações na praça Beira Rio

ADEGAS-FGSP

Para comemorar a chegada da Primavera, os distritos de Sousas e Joaquim Egídio promovem de 26 de setembro até 12 de outubro o Festival Gastronômico e Sustentável de Primavera. Em parceria com a Paróquia Sant’Ana de Sousas, que comemora os 120 anos da Pedra Fundamental, o festival  terá abertura especial, nos dias 26, 27 e 28 de setembro, na Praça Beira Rio .

É o “Adegas na Praça”.

Os chefs dos restaurantes participantes elaboraram um menu especial com “comidinhas” em versões de degustação e sobremesas, com preços de R$ 10,00 e R$ 15,00.

Dentro da programação da praça Beira Rio, estão previstas também  apresentações musicais com Flavio Negri e bandas Ali na Esquina, Âmago Trio, Padre Paulo e Meninões Cantores, bem como apresentações da Cia. de Dança Cultura do Instituto das Artes Luana Lopes.

No dia 28, às 9 horas, a Paróquia Sant’Ana, sob o comando do Padre Paulo Roberto Emiliano, comemora os 120 anos da Pedra Fundamental com missa campal.

Na “Adegas na Praça” também haverá uma feira de produtos locais e produtos orgânicos e um espaço para que os visitantes recebam informações sobre consumo consciente, para valorizar e contribuir com o desenvolvimento da região. Essa ação é uma parceria da associação Slow Food Campinas com os produtores locais.

O Festival segue até 12 de outubro nos restaurantes participantes , que vão oferecer,  durante o jantar, receitas incríveis, que trazem flores e frutas em um cardápio especial de primavera e com preço fixo de R$ 55,90 (incluindo entrada, prato principal e sobremesa).

A proposta do Festival Gastronômico e Sustentável de Primavera é oferecer ao público variadas opções da alta gastronomia com preço fixo e acessível. A ideia surgiu devido ao sucesso do tradicional Festival de Inverno, que a ADEGAS promove há nove anos. Além disso, é uma oportunidade de conscientizar a população da importância ambiental e estimular a sustentabilidade,  formas de reciclagem e armazenagem em locais autorizados. Parte da renda do Festival será revertida para a preservação da Praça Beira Rio, que inclui também o plantio de mudas de árvores.

Segundo o presidente da ADEGAS , o sócio proprietário do restaurante El Tambo, Luís Felipe Sagioro, a expectativa  para o  Festival Gastronômico e Sustentável de Primavera é repetir o sucesso da edição do Festival de Inverno desse ano, que atraiu 10 mil visitantes.

O evento que comemora os 120 anos da Pedra Fundamental é organizado pela Igreja de Sant’Ana, Caroline Nunes em pareceria com a Adegas – Associação dos Dirigentes dos Estabelecimentos de Gastronomia da região, com apoio da Subprefeitura de Sousas e Secretaria de Turismo e Cultura da Prefeitura de Campinas.

Festival Gastronômico e Sustentável de Primavera

Abertura do Festival – Adegas na Praça
Praça Beira Rio – Sousas
26/09 –  das 19h às 23h
27/09 – das 17h às 23h
28/09 – das 11h às 16h
Preços: de R$10,00 a R$15,00
Restaurantes Participantes: Café Maritaka (moqueca de pupunha e torta de maça com sorvete de creme),  Da Capela (cabidela de galinha caipira e polenta mole e cake de chocolate com compota de jabuticaba), El Tambo (nachos, tacos, costela mex ribs e palletas mexicanas), Fogão Mineiro (risoto mineiro com costela, costelinha suína, linguiça calabresa, paio e castanhas), Espaço Malagueta (torteloni a moda do chefe e mix de frutas com calda quente de chocolate), Estação Marupiara (risoto de camarões com suco de laranja, gorgonzola e gengibre e vasinho de chocolate: bolinho de chocolate com sorvete de banana flambada, ganache de chocolate e areinha de chocolate), Keiko Sushi Bar (yakisoba e temaki) e Vila Paraíso (mussarela à dorê com geléia de limão da fazenda e cocorrico: sorvete de coco com calda de gengibre e praliné).

Festival 

De 02/10 a 12/10 – durante o jantar
Entrada + prato principal + sobremesa: valor fixo de R$ 55, 90
Restaurantes Participantes: Bar do Marcelino, Ca’ Di Mattone, Da Capela,  El Tambo, Espaço Malagueta, Estação Marupiara, Fogão Mineiro, Keiko Sushi Bar e Vila Paraíso. (*consultar os restaurantes que funcionam aos domingos no jantar).

Conhecendo o tarot na Vila das Artes

A terapeuta holística Maura Ferreira é o destaque deste mês! Vocês já sabem que a pouco tempo ela se tornou parte no nosso time de expositores fixos, certo? Agora, é tempo  de conhecer um pouquinho mais a fundo o trabalho que ela apresenta na Vila.

O tarot é usado pela Maura já há 5 anos, como terapia para o auto conhecimento.

Para aqueles que ainda não conhecem muito bem a técnica, vamos explicar mais um pouquinho:

  • O tarot é composto por um baralho de 78 cartas, utilizadas desde o século XV.
  • Na Vila das Artes, Maura utiliza apenas 22 cartas, conhecidas como “Arcanos Maiores”, que são símbolos que revelam os estados latentes das ideias e possibilidades da vida.
  • Durante as edições da feira, Maura realiza atendimentos individuais simples, para quem quer entender um pouquinho mais dessa técnica, com duração de 20 minutos. Nos atendimentos, são utilizados dois tipos de tarot: o tradicional e o cigano.
  • Uma sessão completa tem duração de 1h30 e pode ser agendada posterioremente com a terapeuta.

Além de trabalhar com o tarot, a até ministrar cursos sobre a técnica, Maura também é profissional em Reiki há 5 anos. Para conhecer mais o trabalho dela entre em contato:

22-09-Maura

22-09-Maura02

Destaque do mês: a marchetaria de Flávio Baldan

Hoje é dia de conferir algumas das novidades em marchetaria do artesão Flávio Baldan Alonso, presença garantida nas edições mensais da Vila das Artes.

Marchetaria é a arte ou técnica de ornamentar superfícies planas através da aplicação de materiais diversos, tais como: madeira, metais, pedras e plásticos, tendo como principal suporte a madeira.

Como novidade, Flávio apresenta porta canetas, moldura para quadros e porta retratos e porta joias.

flavionovo1

flavionovo2

flavionovo3

E tem muito mais!

Para saber outros detalhes do trabalho do Flávio Baldan Alonso, da FBAG Marchetaria, basta visitar a página no Facebook (clique aqui) ou entrar em contato através do e-mail flaviobalonso@gmail.com

 

Novo projeto de música quer formar Orquestra Experimental de Sousas

O projeto “A música das águas” que será lançado neste dia 15 de setembro, na Casa de Cultura em Sousas, tem como objetivo ensinar música por meio do canto, da expressão corporal e da execução de instrumentos.  O foco é preparar músicos para a formação da Orquestra Experimental de Sousas, como forma de concretizar todo o ensino que será passado para os alunos.

Este projeto marca a reabertura da Casa de Cultura e durante os encontros, que serão semanais, crianças e adultos terão aula de canto, coral e rimas, rítmicas e de expressão corporal, além da prática de instrumentos de percussão e da metodologia Orff, com xilofones e metalofones.

Os interessados em participar devem se inscrever pelo site: http://orquestradesousas.wix.com/inscricao

Serviço

Inauguração do projeto “A música das águas” e Orquestra Experimental de Sousas

Data: segunda-feira, 15 de setembro

Horário: 20h

Local: Casa de Cultura e Cidadania Antônio da Costa Santos

Endereço: Rua Treze de Maio, 48 – Distrito de Sousas

 

orquestra

Programe-se: Mês de Carlos Gomes em Campinas

No mês de setembro, Campinas  sedia diversas  comemorações e homenagens ao grande maestro da cidade, Antônio Carlos Gomes, com várias atrações dedicadas à memória deste grande cidadão.

A tradicional homenagem no monumento-túmulo na praça Bento Quirino está marcada para o dia 14, às 10h, com apresentação do Coral Meninos Cantores, Orquestra do Conservatório Carlos Gomes e o Coral Pio XI, como acontece anualmente.

A programação do mês inteiro está disponível no site da Prefeitura (http://www.campinas.sp.gov.br/noticias-integra.php?id=24392). Dentre os destaques, há duas montagens especiais que a Orquestra Sinfônica preparou.

A primeira será a peça ‘A Missa de São Sebastião’, composta pelo maestro para a inauguração em 1883 da matriz nova na cidade, que hoje é a Catedral Metropolitana. Pela primeira vez será acrescentada na apresentação o trecho ‘Credo’, que acreditava-se que estivesse perdido. O evento é no dia 20, no Teatro Castro Mendes. A segunda obra apresentada pela Orquestra  é Colombo que estreou no Rio de Janeiro em 1892. Esta foi produzida pelo compositor para coro, solistas e orquestra e contará com todos esses elementos musicais na sua apresentação nos dias 2 e 4 de outubro.

Os concertos no Teatro Castro Mendes não serão gratuitos, mas os outros eventos pela cidade sim. Dentre as opções gratuitas, outro destaque que entra na agenda do ‘Mês Carlos Gomes’ é a apresentação do espetáculo de teatro e música “Burrico de Pau”. Baseada na obra homônima de Carlos Gomes, a peça será executada pelo Grupo Evolução, dirigido por Jonas Lemos, em vários espaços da cidade, como na Lagoa do Taquaral e no Terminal Ouro Verde.

Confira a programação completa:

(http://www.campinas.sp.gov.br/noticias-integra.php?id=24392)